segunda-feira, 4 de fevereiro de 2008

Ian Curtis encantado

Foi lançado "Control", filme sobre biografia de Ian Curtis ano passado. Não tenho idéia sobre previsão do lançamento por aqui. O filme é em preto-e-branco, ganhou prêmios e têm trilha sonora com figurões... mas não é disso que eu queria falar. Um dos caminhos para a eternidade é morrer jovem, sempre isso; e a angústia (ou o charme) do excesso ("Rest My Chemistry")...; são esses os dois eixos que movem a mitologia do pop, das coisas de comércio popular e comportamento, de Manchester a Escambray... Tem dois discos lançados recentemente que me lembram o Joy Division: "Our love to Admire" do Interpol e "Boxer" do The National. 'Classudos' até a tampa. Ouçam as músicas "Pioneer to the Falls" ou "Mistaken for Strangers" e digam se estou errado. Parece consenso que o melhor dessas bandas são seus discos anteriores, é o que todo mundo fala.., acontece que esses dois, de 2007, estão entre os discos que eu mais ouvi ano passado, então não acho q seja só por saudosismo ou estado de espítito. A imagem aí em cima é o manuscrito original de "Love Will Tear Us Apart", tô vendendo pelo preço que comprei hein... Interpol vai estar em BH dia 15 de março (pelo preço comprado again).
"Boxer" - The National - 2007 - download
"Our love to Admire" - Interpol - 2007 - download
"Unknown Pleasures" - Joy Division- 1979 - download

2 comentários:

Anônimo disse...

Opa!
bacana demais o blog...
aproveitando o espaço: tem previsão de lançamento do disco novo?

abs...

Fred disse...

Começamos a compor, já tem umas 5 músicas bem estruturadas assim... Antes de gravar temos que amadurescer esse novo formato. Como são cinco músicos ao mesmo tempo agora (batera, synths, piano etc) gasta-se um pouco mais de tempo pra ensaios e pra todo mundo seguir o mesmo caminho, mas está valendo a pena.